Go to ...

Jornal de Ciência Espírita on YouTube

25/05/2017

Mente Irredutível: Em direção a Psicologia para o século 21


Este livro foi escrito em 2007 por Edward F. Kelly, Emily Williams Kelly, Adm Crabtree, Alan Gauld, Michael Grosso e Bruce Greysson. Ele busca conectar a psicologia cognitiva contemporânea e a neurociência, através de um fenômeno muito conhecido na ciência como EQMs (Experiências de Quase-Morte) em inglês, Near-Death Experiencies. A controversa aproximação dos autores repudia a teoria convencional da consciência humana, como um fenômeno que pode ser explicado como resultado da ação puramente física do cérebro, e avança demonstrando que a mente é uma entidade independente do cérebro e do corpo. Os autores também avançam na teoria alternativa para a “transmissão” ou “filtro” da mente-cérebro, dessa forma revivendo o dualismo do século passado criado grande investigador dos fenômenos psíquicos inglês F. W. H. Myers (1843-1901)  que posteriormente foi desenvolvido por seu colega, o psicologista americano e filósofo William James (1842-1910).

AUTORIA

A autoria deste livro é diversa, com representações de vários países como os Estados Unidos, Inglaterra e Canadá. O livro é interdisciplinar pois os autores vem de diversos campos da psicologia, estudos da ciência e investigações psíquicas. O autor principal Edward F. Kelly é professor da Universidade da Virgínia (University of the Virgínia School of Medicine).

RESUMO

O livro começa apresentando um resumo sobre a neurociência contemporânea seguida por uma introdução da prática científica para a psicologia proposta por Frederic William Henry Myers. Segundo Edward F. Kelly:

“Frederic Myers e William James, afirmavam que a verdadeira ciência da mente deveria levar seriamente em conta todo tipo de experiências antes de prematuramente aceitar a teoria da mente.”

O livro apresenta estudos empíricos sobre o fenômeno relacionado a medicina psicossomática, efeitos placebo, experiências de quase-morte, experiências místicas, e gênio criativo, com argumentos para fortalecer a teoria dualística da mente e cérebro. Esta obra defende a mente como uma entidade independente do cérebro e do corpo com o qual ela casualmente interage e argumenta que ela sobrevive após a morte. O livro desafia o reducionismo neurocientífico argumentando que as propriedades da mente não podem ser completamente explicadas pelos cérebros. A obra está disposta em 9 seções seguidas por uma bibliografia introdutória sobre investigações psíquicas e presenteia o leitor com 100 páginas de referências.

  • Capítulo 1: Uma visão geral: A Neurociência Cognitiva contemporânea e os debates sobre Consciência.
  • Capítulo 2: F. W. H. Myers e o estudo empírico do problema Mente-Corpo.
  • Capítulo 3: Influência Psicofisiológica
  • Capítulo 4. Memória
  • Capítulo 5: Automatismo e Centros Secundários de Consciência
  • Capítulo 6: Experiências Inusuais de Quase-Morte e fenômenos relacionados
  • Capítulo 7: Gênio
  • Capítulo 8: Experiências Místicas
  • Capítulo 9: Em direção a psicologia para o século 21.

Link para a compra da Edição Impressa

 

4.63/5 (2)

Por favor, avalie este artigo.

Tags: , , , , ,

One Response “Mente Irredutível: Em direção a Psicologia para o século 21”

  1. Victor
    29/06/2016 at 16:00

    Há tradução do livro em português? Não consegui encontrar.

    0

    0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More Stories From Livros, Filmes, etc

About [JCE] - Editor

Editor geral e responsável pela diagramação dos artigos no Jornal Impresso e Online.